Plutão é considerado um planeta novamente?

Imagem de plutão

Oficialmente a resposta é não, no entanto, este tem sido um tema muito falado nas redes sociais nos últimos dias devido ao debate que ocorreu no final do mês de Setembro no centro de astrofísica Harvard-Smithsonian. Neste debate onde estavam presentes cientistas, professores e civis foi feita uma votação onde a maioria defendeu que plutão deve ser considerado um planeta novamente.

Descoberto em 1930, Plutão foi despromovido a planeta anão pela União Astronómica Internacional em 2006. Este foi despromovido porque foram descobertas novos corpos rochosos com dimensões semelhantes às de Plutão, todos sendo considerados muito pequenos para serem chamados de planetas.

Agora alguns cientistas defendem que deveria ser reposto o estatuto de planeta a Plutão, no entanto oficialmente um planeta deve cumprir as seguintes três condições:

  1. Ser um corpo que se encontra em orbita em redor de uma estrela;
  2. Ter massa suficiente de modo a que adquira uma forma arredondada através da força da gravidade;
  3. Deve ter a sua orbita desimpedida.
Plutão não tem uma orbita desimpedida e por isso oficialmente não pode ser considerado um planeta. O porta-voz da União Astronómica Internacional fez ainda a declaração que “Atualmente não existem pedidos de qualquer astrónomos para colocar esta questão na agenda da Assembleia Geral”. A próxima assembleia geral da União Astronómica Internacional será em Honolulu em Agosto de 2015, onde poderá vir a ser debatida a questão se entretanto for feito o pedido por parte dos astrónomos.
Afinal quantos planetas existem? Continuam a ser 8 planetas, mas se quiser saber mais visite o artigo: Quantos planetas existem no Sistema Solar?